PORTAL OESTE NEWS

PORTAL OESTE NEWS
A SUA ENCICLOPÉDIA DIGITAL E BIBLIOTECA VIRTUAL NA WEB. 100 POR CENTO COM COM ASSUNTOS DO RIO GRANDE DO NORTE

quarta-feira, 30 de março de 2011

Policial civil morre após troca de tiros com outros policiais em Salvador (BA)


O policial morto era acusado de extorquir um jovem. Políciais civis da Bahia protestaram, fecharam uma rua movimentada e decretaram greve.


Em Salvador, um policial civil foi morto, na noite desta quarta-feira (2/3/2011), em uma troca de tiros com outro policial. O crime gerou revolta e protesto em uma das avenidas mais importantes da cidade.
Dois carros com muitas marcas de tiros. Em um deles, havia um colete da Polícia Civil, onde estavam três policiais da Delegacia de Furtos e Roubos. O carro, não padronizado, era da própria delegacia. O outro carro era de um policial da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes que estava com uma suposta vítima de extorsão.
Um tiroteio entre Policiais Civis que, segundo testemunhas, começou em um ponto nobre da capital baiana. Houve perseguição por uma avenida, que só terminou mais de um quilômetro depois com um policial morto.
O crime aconteceu por volta das 20h, horário de grande movimentação no local. Moradores de um prédio ficaram assustados. As marcas de tiros ficaram em quatro pontos da parede e em um carro que estava estacionado.
“Eu estava na janela do último apartamento quando ouvi os tiros. Dois [tiros] pegaram o lado da loja, quando a faísca do cimento caiu em cima do meu braço. Eu passei para frente do apartamento, quando eu vi dois carros e um homem já morto dentro de um deles”, conta um morador.
“Deve ter sido uma arma de calibre muito grosso”, diz outro.
“Muitos tiros e muito fortes. Chegou até estremecer meu apartamento”, diz uma senhora.
Quatro delegados, policiais civis e militares foram para o local. De acordo com a corregedora chefe da Policia Civil, o policial morto, Valmir Borges Gomes era da Delegacia de Futros e Roubos e tentava extorquir dinheiro de um jovem de 19 anos.
Horas depois do crime, policiais de várias delegacias se reuniram na porta da Corregedoria da Polícia Civil, em Salvador, para protestar contra a morte do colega. Revoltados, eles fecharam todo o trânsito no local, em uma das avenidas mais movimentadas da cidade. Foi possível ver a revolta dos policiais:
“Executaram um pai de família, Valmir Borges Gomes”, conta um policial, que se irrita ao ser lembrado que o policial morto estava sendo acusado de extorsão. “Isto se investiga, se prende. Como um homem no volante, sem nenhuma defesa, fico com o carro do jeito que ficou?”, indaga.
Quando policiais do Comando de Operações Especiais chegaram ao local, foram recebidos com gritos. Em um momento de grande tensão, os policiais do Core tiveram que enfrentar a revolta dos policiais civis.
Momentos depois, policiais se reuniram e tomaram uma decisão. “Foi decretada a greve na Policia Civil da Bahia. A Policia Civil da Bahia acabou de paralisar neste momento”, afirmou.
FONTE: BOM DIA BRASIL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha lista de blogs